mais-informacoes agende-sua-consulta

 

Qual a diferença entre psicopata e sociopata? HIPNOSE

Nenhuma, pois os dois termos são sinônimos para um tipo específico de transtorno de personalidade.

As duas doenças são consideradas pela psiquiatria como desordens de personalidade antissociais. Na psiquiatria, uma velha questão sempre está presente. Ao perguntar a causa de uma doença mental, os psiquiatras desde o início de sua especialidade questionavam se a origem deveria ser buscada na biologia (genética) ou na influência do meio.

Embora ainda não seja um fato estabelecido, os pesquisadores tendem a considerar que a psicopatia é genética, enquanto que a sociopatia possui como causa não só a genética, a predisposição hereditária, como a influência do ambiente é fundamental para a sua eclosão.

Conforme a Classificação Internacional de Doenças (CID-10), o termo oficial para designar um psicopata ou sociopata é personalidade dissocial ou antissocial. “A psicopatia é um termo muito confuso historicamente, sendo que, hoje, se refere a apenas um dos oito transtornos de personalidade existentes”, diz o psiquiatra forense Daniel Martins de Barros, do Hospital das Clínicas, em São Paulo.

Um psicopata já nasce com um temperamento bem delineado: é impulsivo, possui ausência de medo que leva a comportamentos que buscam o risco e, principalmente, possuem uma grande inabilidade de internalizar as normas sociais. Um sociopata possui um temperamento próximo ao do indivíduo comum, sendo a sua doença causada mais por fatores negativos na socialização tais como negligência dos pais, pobreza extrema. Um sociopata pode ter QI (quociente de inteligência) extremamente alto ou extremamente baixo.

O que aproxima as duas doenças mentais é que ambas são desordens de personalidade antissocial, e podem resultar em atos de violência que podem ser terríveis como assassinatos com requinte de crueldade.

Desta feita, a associação que, em geral, fazemos do termo psicopata com um assassino frio, como um serial killer, não passa de mau uso do termo.

Segundo os especialistas, até 3% da população mundial é composta de psicopatas, sendo que eles reincidem na criminalidade três vezes mais que bandidos comuns

Algumas diferenças entre a sociopatia e a psicopatia

PSICOPATIA

Predisposição à violência  –   Alta

Impulsividade     –  Alta

Comportamento     –   Errático

Comportamento Criminoso     –  Deixa pistas por ser impulsivo

Predisposição Criminal    –    Tendência a crimes passionais ou impulsivos

Relacionamentos Sociais    – Dificuldade de manter relacionamentos

 

SOCIOPATIA

Predisposição à violência  –  Variada

Impulsividade       –     Variada

Comportamento  – Controlado

Comportamento Criminoso  – Tendência a calcular seus atos para não deixar pistas

Predisposição Criminal   –   Tendência a crimes premeditados

Relacionamentos Sociais  – Tendência de aparecer normal em um relacionamento